Maragojipe sedia capacitação do Programa Criança Feliz

Maragojipe está sediando a capacitação do Programa Criança Feliz realizada pela Secretaria de Desenvolvimento Social do Estado. O projeto, do Governo Federal, intensifica o acompanhamento para famílias beneficiadas pelo Bolsa Família, que possuem bebês ou crianças de até 3 anos de idade, gestantes e crianças com até 6 anos que recebem o benefício de prestação continuada da Assistência Social.

Realizada no Mercado Municipal Alexandre Alves Peixoto, localizado no bairro do Caijá, a capacitação teve início nesta segunda-feira (11) e vai até a próxima sexta-feira (15), com a participação de 48 municípios baianos. A abertura do evento contou com uma apresentação da Fanfarra Integração, formada por alunos da Escola Municipal de Referência Plínio Pereira Guedes, que fazem parte do Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos, através da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social.

Estão participando da capacitação, profissionais da área social. Esses profissionais terão o papel fundamental de disseminar as ações do programa em seus municípios, por meio de capacitações contínuas de acordo com as diretrizes do Ministério do Desenvolvimento Social.

Um dos critérios para a participação dos municípios é dispor de um CRAS (Centro de Referência de Assistência Social); ter estrutura física adequada e a realização de atividades em andamento, e contar com pelo menos 140 indivíduos do grupo prioritário do programa: gestantes, crianças de até três anos e suas famílias beneficiárias do Programa Bolsa Família; crianças de até seis anos beneficiárias do Benefício de Prestação Continuada e suas famílias; e crianças de até seis anos afastadas do convívio familiar em razão da aplicação de medida de proteção.

Estiveram presentes na mesa de abertura as secretárias municipais de Desenvolvimento Social, Rozameire Santana, de Relações Institucionais, Enéa Rangel e o secretário municipal de Governo, Jiomar Mendes, além dos assistentes sociais colaboradores da Secretaria de Desenvolvimento Social do Estado, Danilo Dias e Catarina Rebouças.